Óleo de Canola

para que serve o oleo de canola

Olá, queridos visitantes, hoje nós vamos aprender um pouco mais sobre o óleo de canola, um produto tão encontrado nas prateleiras dos supermercados e amplamente utilizado para fins culinários.  O óleo de canola é extraído de alguns tipos de semente de mostarda e há bastante controvérsia sobre a sua produção.

Eu fiz uma lista com os benefícios e malefícios desse óleo para a saúde e vou compartilhar com vocês. Para saber quais são é só rolar a página e continuar a leitura…

9 Principais benefícios do óleo de canola

  1. Cuida da saúde do coração

O óleo de canola contém ômega-3 e ômega-6 na proporção de 2 por 1. Essa é uma das melhores proporções presentes em um óleo vegetal, sendo inclusive mais saudável que o azeite. Este óleo também é rico em esteróis e fitosteróis, que reduzem o colesterol presente no organismo e impedem a absorção do colesterol existente em outros alimentos. Portanto, ele não só previne o colesterol como também reduz os níveis de colesterol de 10 a 15%.

  1. Cuida da pele

O óleo de canola, como muitos óleos vegetais, é rico em vitamina E, que é uma vitamina essencial para o corpo por várias razões. A vitamina E é muito eficaz como antioxidante e é capaz de proteger a pele dos efeitos nocivos dos radicais livres. Por isso, este óleo é capaz de manter sua pele macia e suave, acelerar a cicatrização de ferimentos, reduzir a aparência de manchas, rugas e marcas de acne.

A vitamina E neutraliza os radicais livres, que causam o envelhecimento precoce, dando uma aparência mais jovem e bonita por mais tempo.

  1. Protege as membranas celulares

A vitamina E também é um antioxidante lipossolúvel, o que significa que pode ajudar a proteger a integridade das membranas celulares do corpo inteiro. Membranas mucosas são importantes para proteger nosso corpo de substâncias estranhas e compõem uma parte importante do nosso sistema imunológico.

  1. Aumenta os níveis de energia

A baixa quantidade de colesterol e a alta quantidade de antioxidantes podem ajudar a acelerar o seu metabolismo, pois seu corpo não fica lento e sua energia não é minada pela circulação lenta ou por um sistema cardiovascular sobrecarregado.

  1. Reduz o risco de câncer

Antioxidantes, como a vitamina E, são muito eficazes contra o câncer. Os radicais livres causam a mutação de células saudáveis ​​em células cancerígenas, portanto, ter altos níveis de vitamina E em sua dieta, como encontrado no óleo de canola, pode prevenir ou tratar o câncer.

  1. Melhora a função cerebral

A função cognitiva diminui à medida que envelhecemos e com isso podem se manifestar condições como a doença do alzheimer e a demência. Os antioxidantes que combatem os radicais livres também impedem danos ao cérebro e podem interromper as conexões neurais que levam a essas condições.

  1. Previne diabetes

Gorduras monoinsaturadas não só ajudam a prevenir doenças cardíacas como também podem ajudar a manter equilibrados os níveis de glicose no sangue. Isso significa que as chances de desenvolver diabetes são menores, já que os níveis de glicose se encontram sempre estáveis. O metabolismo do corpo mantém os níveis de glicose e insulina em equilíbrio também evitando que os portadores da doença sofram com altos picos de glicose.

  1. Previne a inflamação

Este óleo evita dores nas articulações e enrijecimento dos ossos como resultado da idade avançada e do desgaste natural. Também é bom para o tratamento da artrite e outras inflamações causadas por distúrbios respiratórios ou digestivos.

  1. Hidrata o cabelo

O óleo de canola é famoso por seu uso como hidratante capilar, pois ajuda a prevenir a caspa, dá brilho e promove o crescimento do cabelo.

Contraindicações e precauções

Níveis de toxinas: Sabemos que o óleo de canola encontrado nas prateleiras dos supermercados contém um alto nível de toxinas, porque é extraído de plantas geneticamente modificadas. É melhor usar óleo de canola extra virgem e orgânico. Para cozinhar é mais seguro utilizar óleo prensado a frio.

Processamento: mais um motivo para cuidado redobrado com o óleo de canola refinado, já que esse tipo de processamento pode frequentemente remover os benefícios do óleo. Além disso, tem estudos alegam que os ácidos graxos ômega-3 são reduzidos durante o processamento.

Teor de ácido erúcico: o ácido erúcico é um ácido graxo ômega-9 que pode causar problemas cardíacos caso venha em grandes quantidades no óleo de canola.

Para evitar todos esses problemas, não se esqueça, na hora de comprar o óleo, certifique-se de sua procedência para que seja extra-virgem e orgânico, garantindo assim todos os benefícios citados acima.

Pronto, por hoje é tudo. Espero que vocês tenham gostado das minhas dicas e continuem me acompanhando nos próximos posts. Não se esqueçam de comentar abaixo dando sugestões e outras dicas de uso do óleo de canola.

<< Conheça outros óleos essenciais

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (411 votos! Artigo avaliado com 4,91 estrelas / máximo de 5)
Loading...